Bebidas alcoólicas ajudam a combater o frio?

10 maio, 2016

Muitas pessoas acreditam que o consumo de álcool pode ajudar a aquecer o corpo. Mito ou verdade?

O corpo humano é capaz de acionar diversos mecanismos para compensar as variações de temperatura externa e manter a temperatura corporal com a mínima oscilação possível. Por exemplo, o suor é uma forma de perder calor no verão, assim como tremores são uma forma de produzir calor no inverno.

É comum as pessoas acreditarem que o consumo de álcool é útil durante as estações mais frias para ajudar o corpo a se esquentar. Mito ou verdade? Mito. Apesar de parecer que o corpo está mais quente, o que acontece é um desvio de calor de órgãos vitais para a região mais superficial. Ao consumir bebidas alcoólicas ocorre vasodilatação, em que mais sangue e calor são levados à pele e extremidades, com a consequente elevação da sensação térmica. Dessa forma, acredita-se que houve aquecimento, mas o calor é facilmente dissipado, não apenas pela própria vasodilatação, mas pelo comportamento da pessoa, que ao perceber o aumento de calor, se desprotege e se expõe mais ainda ao frio.

No Brasil, a falta dessa informação pode não significar tanto em termos de saúde pública, pois o inverno é ameno de forma geral, mas em temperaturas mais baixas, o uso de álcool, principalmente em excesso, pode ser letal, ao aumentar o risco de hipotermia (esfriamento do corpo com a perda da capacidade de exercer a regulação necessária). Portanto, durante o inverno, corrija esta crença errônea para prevenir o abuso de álcool e se proteger do frio com sucesso!

Additional Info

  • Referencias:

    Berko J, et al. Deaths attributed to heat, cold, and other weather events in the United States, 2006–2010. National Health Statistics Reports, No. 76. Hyattsville, MD: National Center for Health Statistics, U.S. Centers for Disease Control and Prevention (2014).

Rua do Rócio, 423 Salas 1208/1209
São Paulo - SP - 04552-000

Tel: +55 11 3842.3388
contato@cisa.org.br

Assine o nosso Boletim

Copyright © 2020. CISA, Centro de Informações sobre Saúde e Álcool