Lesões hepáticas causadas pela COVID-19 representam risco, principalmente para pessoas com doenças pré-existentes do fígado.

Chegou o nosso novo Panorama 2020!

Chegou o nosso novo Panorama 2021!

Pesquisa da Fiocruz aponta que 17,6% dos respondentes relataram ter aumentado seu consumo de álcool durante a pandemia. A elevação do consumo estaria relacionada principalmente às mudanças no estado de ânimo da população durante o período, sobretudo à frequência dos sentimentos de tristeza e depressão.

Pesquisa online conduzida pela OPAS em 33 países da América Latina e Caribe avalia o que mudou nos hábitos de consumo de álcool com a pandemia. 

Riscos de contaminação por coronavírus para pacientes em tratamento psiquiátrico.

Veja os principais dados sobre uso de álcool por estudantes brasileiros entre 13 e 17 anos. Entre alunos do 9o ano do Ensino Fundamental, o consumo precoce subiu de 50% em 2012 para 55,5% em 2015.

Pesquisas discutem sobre a definição de ressaca e a importância da alcoolemia zero para os testes cognitivos e psicomotores.

Seu consumo de bebidas alcoólicas mudou durante a quarentena?

Acesse: https://bit.ly/PesquisaCISA e participe da pesquisa do CISA.

É rapinho: cerca de 3 minutos! Queremos entender se houve mudanças no uso de álcool nesse período e sua participação é muito importante. Nossa pesquisa é anônima, confidencial e não-científica. Participe e compartilhe!

Página 1 de 2

Rua do Rócio, 423 Salas 1208/1209
São Paulo - SP - 04552-000

Tel: +55 11 3842-3388
Cel: +55 11 91257-6108

Dúvidas: contato@cisa.org.br
Parcerias: parcerias@cisa.org.br

Assine o nosso Boletim

CISA, Centro de Informações sobre Saúde e Álcool