Problemas sociais associados ao uso de álcool - Consumo de álcool e a família

30 agosto, 2006

Relatório da OMS discorre sobre os impactos do uso indevido de álcool no ambiente familiar.

É sabido que o uso de álcool pode prejudicar o indivíduo em diversas esferas de sua vida social. O uso indevido de álcool está relacionado a inúmeras consequências negativas tanto na vida do cônjuge daquele que bebe quanto na vida de seus filhos. Exemplos dessas complicações na vida do filho são: Síndrome Fetal Alcoólica, abuso infantil e impacto nas esferas social, psicológica e econômica.

No caso do cônjuge daquele que faz uso indevido de álcool, o álcool pode danificar a performance deste indivíduo como pai ou mãe, como marido ou mulher ou ainda como provedor da casa.

Em muitas sociedades, o consumo de álcool se dá fora do ambiente familiar e faz com que o tempo e o dinheiro gasto com esta prática desfalquem a família em suas necessidades básicas.

Algumas experiências, em decorrência da embriaguez alcoólica, podem deixar sequelas permanentes na família: acidentes no ambiente familiar, violência doméstica e doenças.

O uso abusivo do álcool pode levar ao desenvolvimento de transtornos psiquiátricos e infecção por HIV, prejudicando a saúde física e financeira da família, especialmente das famílias mais carentes.

O uso indevido do álcool pode prejudicar a família por negligência e por maior necessidade de cuidados e gastos com a saúde dos membros desta família.

Mais informações: http://www.who.int/substance_abuse/publications/alcohol/en/index.html

Additional Info

  • Fonte:

    Organização Mundial de Saúde (OMS) - Global Status Report, 2004 (http://www.who.int/substance_abuse/publications/alcohol/en/index.html)

Rua do Rócio, 423 Salas 1208/1209
São Paulo - SP - 04552-000

Tel: +55 11 3842.3388
contato@cisa.org.br

Assine o nosso Boletim

CISA, Centro de Informações sobre Saúde e Álcool